TRANSLATE

VISUALIZAÇÕES DA PÁGINA

domingo, 31 de maio de 2015

PISTIS SOPHIA

Um livro sobre as orientações e direções (práticas e ações), além outros aspectos instrutivos para além de teorias e parábolas, que Jesus Cristo (Yeshua Hamashia) promovia junto aos Apóstolos; após sua ressurreição.

Na essência desse livro, na sabedoria que ele trás, percebe-se notoriamente a iluminada congruência de seu teor junto ao encontrado em os Livros Sagrados, e/ou Sabedorias, de os maiores Sistemas de Crenças no Planeta; enquanto aquilo que sai do campo da teoria, supera dor, sofrimento, fanatismos, idolatrias (...), e assim avança ao estar em Paz Interior;ou estado de presença interior; independente de as circunstâncias de vida pela qual se está a passar.

Seu teor aponta ao mesmo encontrada nas escolas iniciáticas: do Budismo, Hinduísmo, Taoismo, Xintoismo, Escola Egípcia e etc.

Independente de ser um analfabeto ou um PHD erudito doutrinário teológico, sem as práticas, não se consegue interpretar e caminhar a um desvelar dessa obra; utilizada por várias instituições e escolas iniciáticas: quanto mais se avança em as práticas de eliminação de agregados psíquicos (eus-egos), também transmutando energias, e se cresce em a caridade desinteressada, mais se consegue compreender (trazer/apreender em prática a Si) a sabedoria-luz da vida.

Por hora, encerro nessas poucas palavras, que nem se aproximam do que venha realmente ser, não mais o livro Pistis Sophia, mas, Pistis Sophia: pois, trata-se de um caminho individual, e que precisa de muitas ajuda; é algo paradoxal; que transcende interpretações meramente intelectual; podendo ser tranquilamente averiguada, constatada, percebida, tocada e vivenciada; está em todo local.


Fonte: